Início   |   Recursos   |   Ensino   |   Eventos   |   Projetos   |   Estrutura   |   Membros   |   Endereço

PT | EN

O CELGA-ILTEC é uma unidade de I&D da Universidade de Coimbra (UID FCT: 4887) criada em 2015 que resulta da fusão de duas unidades: o ILTEC e o CELGA. Tem como atividades centrais a investigação e a criação de recursos linguísticos.

Discurso e Práticas Discursivas Académicas

Investigador responsável: Carlos A. M. Gouveia

Descrição e enquadramento

A investigação desenvolvida nesta linha temática tem como objetivo produzir conhecimento sobre discurso e práticas discursivas, por um lado, e sobre ensino e o conhecimento científico, por outro. Centrada, portanto, na convergência de duas realidades – discurso e academia – o grupo faz do discurso académico e suas práticas discursivas, nas suas diversas manifestações, o seu principal foco de interesse.

Estes objetivos de investigação são enquadrados por descrições e explicações de fenómenos do uso da língua na interação verbal, quer numa perspectiva funcional e sistémica, quer interacionista e sociodiscursiva, dando particular atenção ao discurso (enquanto produto e processo) e à literacia (enquanto capacidade de usar a língua para ler, escrever, ouvir e falar, e capacidade de compreender e de responder ao mundo), bem como à relação entre estas duas áreas do saber. Nesta perspetiva, é também objeto de estudo nesta linha temática a forma como diferentes comunidades, práticas e domínios discursivos requerem literacias próprias (científica, visual, digital, etc.).


Objetivos de investigação

  1. 1. Descrição de métodos, técnicas e processo de abordagem didática do discurso académico e científico na sala de aula.
  2. 2. Descrição e análise das propriedades que configuram os principais géneros académicos em Portugal, mapeando coordenadas sociodiscursivas e contextuais da comunicação académica e da sua tradução nesses mesmos géneros.
  3. 3. Descrição dos modos de legitimação discursiva e institucional do conhecimento científico associado às diferentes disciplinas.
  4. 4. Análise crítico-discursiva das representações e categorizações ideológicas da realidade, em particular nos discursos da ciência, dos media, da educação e da literacia.
  5. 5. Descrição e análise do impacto das TIC na construção da aprendizagem, com foco em aspetos como a literacia digital, a multimodalidade e a comunicação mediada por computador.
  6. 6. Desenvolvimento de um modelo de apreciação e avaliação da ontogénese da língua escrita em crianças e jovens adultos, por observação das práticas educacionais relacionadas com a produção e avaliação textuais, e a construção de um conjunto de parâmetros analíticos e descritivos para a análise de textos, discursos, géneros e registos.
  7. 7. Produção de materiais descritivos, instrucionais e didáticos destinados aos ensinos básico, secundário e superior.


Membros da linha temática